Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

LadosAB

Espaço de reflexões, opiniões e demais sensações!

Espaço de reflexões, opiniões e demais sensações!

Teoria de conspiração!

Quando a ex-PGR, a Doutora Joana Marques Vidal saiu em 2018 após seis anos de um trabalho de enormíssimo mérito, para ser substituída pela actual Procuradora, a Doutora Lucília Gago, logo pairou sobre esta nomeação do Presidente Marcelo, após proposta do Governo, um clima de suspeição de ligações políticas a António Costa, da qual aquela figura nunca se livrou. Até há uns meses…

Adoro uma boa teoria de conspiração. A sério! E quanto mais rebuscada for, melhor.

Ora bem quando o antigo PM, Doutor António Costa se demitiu de Chefe do Governo, originando o que todos nós  hoje sabemos, por causa de um certo parágrafo colocado num despacho pela actual Procuradora-Geral da República, fiquei muito desconfiado da atitude repentina do então PM.

Na verdade o parágrafo acrescentado pela PGR seria razão mais que suficiente para que Costa colocasse o lugar à disposição. Mas tendo em conta o que agora se sabe, fica a ideia de que o texto aposto, tinha mesmo essa intenção: a saída de António Costa.

Recordemos que naquele tempo (parece que foi há séculos!!!) diversos Ministros andavam nas bocas de todo o Mundo e não era pelas melhores razões: Galamba foi o expoente máximo, mas o actual lider socialista também teve de sair ainda antes do chefe do governo. Isto é, Costa parecia estar cada vez mais limitado na sua acção política até porque escasseava gente minimamente competente para Ministros. Recordemos, mais uma vez, que AC, nessa altura, acumulou diversas pastas.

Perante tudo isto e voltando à senhora Procuradora a pergunta que me suscita é a seguinte: porque é que a Doutora Lucília Gago trairía a confiança que Costa nela depositara para Procuradora, através de um parágrafo?

A resposta parece simples e surge agora! Ao que li o antigo PM não é já visado na Operação Influencer após decisão da Relação de Lisboa. Todavia o MP irá continuar a investigar. Pudera... há que lavar a cara!

Portanto se toda esta recambolesca estória fosse um limão, arriscaríamo-nos a ter um fruto muito bonito que depois de espremido não daria uma gota de sumo. Uminha!

Na minha rebuscada teoria de conspiração diria então que AC terá solicitado à senhora Procuradora que fizesse algo que o obrigasse a abandonar o Governo! O homem estava realmente cansado de governar e, acima de tudo, gasto com tanta parvoíce ministerial. E depois havia (ou ainda há?) aquele lugar europeu… à sua espera!

Portanto bastou um simples parágrafo… geral para que tudo desmoronasse!

Na política, tal como na vida a verdade pode ser também uma questão de interpretação!

3 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Os meus livros

Des(a)fiando Contos
Quatro desafios de escrita

Os Contos de Natal

2021
2022

Arquivo

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2023
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2022
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2021
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2020
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2019
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2018
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2017
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2016
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2015
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2014
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2013
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2012
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2011
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2010
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D
  196. 2009
  197. J
  198. F
  199. M
  200. A
  201. M
  202. J
  203. J
  204. A
  205. S
  206. O
  207. N
  208. D
  209. 2008
  210. J
  211. F
  212. M
  213. A
  214. M
  215. J
  216. J
  217. A
  218. S
  219. O
  220. N
  221. D