Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

LadosAB

Espaço de reflexões, opiniões e demais sensações!

Espaço de reflexões, opiniões e demais sensações!

Valentina, a valente!

Infelizmente não o suficiente.

Tenho muita dificuldade em entender o crime da Atougia da Baleia. Como pai, tio, tio-avô e mais recentemente avô não consigo imaginar o que levará um homem ou uma mulher a cometer um infanticídio.

Este problema leva-me para um assunto que é muitas vezes debatido, mas poucas vezes assumido e que se prende com a incapacidade que muitas pessoas demonstram para serem progenitoras. Infelizmente conheço alguns casos.

Já o disse algures por aí que as crianças não vêm ao mundo com manual incluído, qual electrodoméstico. Bem pelo contrário: do mesmo pai e mãe saem crianças completamente diferentes, fisica e intelectualmente. Deste modo o tal manual temos de ser nós pais a escrevê-lo. E quase diariamente.

A menina Valentina teve a valentia de há dois anos sair de casa. Sózinha.

Com esse acto chamou a atenção de algumas autoridades... que mais tarde arquivaram o processo por não haver razões evidentes de maus tratos. E que culminou nesta tragédia...

A responsabilidade dos técnicos que avaliaram aquela família vai ser igual a... zero. E mesmo que fossem chamados a responder a algumas questões, aqueles provavelmente diriam que na altura da avaliação não perceberam nenhum perigo para a criança.

Reconheço que o ambiente familiar pode ser deteriorado por diversos factores: desemprego, álcool, droga, depressão, descompensação familiar ou mais recentemente com este confinamento obrigatório que obrigou (passe o pleonasmo!), em muitos casos, a evidências violentas quase sempre escondidas.

Todavia nada disto é razão para se matar uma inocente, mesmo que tenha sido de forma acidental... o que certamente não se provará!

Só espero que a justiça seja realmente feita! As pessoas que cometem estes crimes de violência doméstica não merecem novas oportunidades... Eles também não as deram!

Mais sobre mim

foto do autor

Posts mais comentados

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2011
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2010
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2009
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2008
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D