Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

LadosAB

Espaço de reflexões, opiniões e demais sensações!

Espaço de reflexões, opiniões e demais sensações!

A campanha deste ano - versão beirã #3

Pronto, acabou-se!

Eram 11 da manhã desta terça-feira quando olhei o céu e agradeci aos deuses e demais acólitos terem-me ajudado a finalizar esta demanda.

Pelo chão ainda se viam mantadas de azeitona por escolher, 

20231031_105935.jpg que mãos hábeis rapidamente limparam. Depois ensacar e sacos em cima do reboque para ao fim da tarde partir para o lagar.

20231031_121703.jpg

O lagar, diria, que é quase um lugar mágico. Aqui se transformam muitas horas, dias, semanas de trabalho num líquido semi verde, semi amarelo, viscoso, mas saboroso.

20231031_194352.jpg 

Há muito que os lagares de ceiras e enormes mós de pedra desapareceram. Poderá haver um ou outro, mas sem creditação legal para o fazer.

No entanto o cheiro dos lagares é bem característico e não obstante ser um tanto forte... eu gosto!

Entreguei neste local 2030 quilos. Se descontar a folha que foi a acompanhar aceito as duas toneladas!

Foi um razoável pecúlio para três dias e meio de trabalho. Com chuva, muita chuva!

É hora de agradecer aos meus filhos e ao meu sobrinho a prestimosa ajuda que me deram. Sem eles ainda estaríamos longe do fim.

Finalmente... o lagar deu o seu veredicto: 243 litros.

Este.

O novo ouro!

Desde o ano passado que oiço gente a dizer que o preço do azeite vai subir muito. Posso acrescentar que é a verdade já que no lagar onde fiz a minha azeitona já se vende o garrafão de cinco litros a... 45 euros!

Em termos meramente teóricos diria que este poderia ser o preço justo para este tão apreciado produto. Todavia na prática considero um exagero.

Explicou-me o dono do lagar que o problema vem dos espanhóis que serão o maior produtor de azeite do Mundo. já que a produção por terras castelhanas parece ter uma quebra fantástica.

Ora com este monopólio entre mãos têm força suficiente para gerir os preços a seu bel-prazer. Contou-me outro dono de lagar que a semana passada apareceu na sua casa um espanhol que de notas de euro em riste pretendeu comprar toda a produção de azeite velho a... 8,40 euros o litro.

O lagareiro disse logo que não! E a meu ver fez bem pois assim não inflacionou o preço deste belo tempero!

Não imagino o que terá acontecido na vizinha Espanha para terem tão pouca produção, mas não será inocente a tentativa de alguns agricultores espanhóis em fazerem as pobres das oliveiras produzirem azeitonas...  duas vezes por ano! Tal como cá, infelizmente!

Entretanto o meu azeite é bom, mesmo o do ano passado já que é tão fino que nem sabe a... azeite. Tem origem em oliveiras certamente muito centenárias e sobre as quais mantenho uma cuidada postura não as deixando crescer muito ou alargar demasiado.

Cada dia que passa parece que este líquido estará a tornar-se o novo ouro.

Azeitona 2022 - 2ª temporada - #3

Hoje foi dia de... lagar.

A minha experiência diz que no dia de levar a azeitona ao lagar será sempre um dia duro, devido especialmente à enoooooooooooooooooooorme espera.

Portanto hoje as coisas demoraram apenas ... sete horas, desde que cheguei até que saí de tal local. Um sítio que conheço bem assim como as pessoas que lá trabalham, de tal forma que sou sempre bem recebido.

Falemos então de... resultados. Sinceramente pensei que os 38 sacos me brindassem como mais peso, já que 800 quilos pareceu-me exageradamente pouco.

Eram 19 e 45 quando a azeitona deu entrada no pio,

20221031_194459_resized.jpg 

Aguardei com toda a serenidade a vez da azeitona de entrar no labirinto de tapetes rolantes. Perto de hora e meia depois eis que o tão ansiado líquido começa a surgir de uma bica metálica,

20221031_211031_resized.jpg 

No final da noitada e contas feitas com o lagareiro trouxe 87 litros de azeite para casa. Calculo que deverá chegar para temperar as nossas couves natalícias.

Nota final:

Uma campanha rápida e sem o ensejo de outros anos tal foi a consciência da miséria franciscana da azeitona.

Agora é arrumar a trouxa e esperar que o próximo ano seja muito mais produtivo.

Azeitona 2022 (parte 2)

Hoje foi dia de regressar ao lagar de azeite para recolher a recompensa.

Trinta e cinco litros em 219 quilos de azeitona. Uma das melhores médias dos últimos anos...

Como diz o povo: a oliveira dá a azeitona e o lagareiro o azeite. Só que actualmente já não há lagareiros encostados às tarefas de varinha e conhecimento na mão tentando descobrir onde acabava o azeite e principiava a almofeira.

Mas há máquinas que o fazem com precisão.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

O meu livro

Os Contos de Natal

2021
2022

Arquivo

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2023
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2022
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2021
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2020
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2019
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2018
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2017
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2016
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2015
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2014
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2013
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2012
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2011
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2010
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D
  196. 2009
  197. J
  198. F
  199. M
  200. A
  201. M
  202. J
  203. J
  204. A
  205. S
  206. O
  207. N
  208. D
  209. 2008
  210. J
  211. F
  212. M
  213. A
  214. M
  215. J
  216. J
  217. A
  218. S
  219. O
  220. N
  221. D