Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

LadosAB

Espaço de reflexões, opiniões e demais sensações!

Espaço de reflexões, opiniões e demais sensações!

O antes e o depois de CR7!

Continuo a pensar que o caso de Ronaldo com a modelo americana de há nove anos, com uma eventual violação e que agora vem a lume de forma tão tenebrosa, não é um acontecimento fortuito.

Porquê só agora?

Se olharmos para os acontecimentos de forma desapaixonada percebemos que há um CR7 no Real Madrid e um CR7 fora de Madrid. Ou como refere o título deste postal “o antes e o depois”.

Não estou com isto a assumir inocência ou culpa do melhor do Mundo. Longe disso. Apenas despertou-me a atenção um número: 9

O caso aconteceu há nove anos, o Cristiano esteve no Real nove anos.

Parece coincidência? Não o creio. Ponto.

O Ronaldo em Madrid ganhou tudo ou quase tudo o que havia para ganhar de tal forma que todos os dias se inventava um record que o jogador invariavelmente batia.

Quando o caso de fuga ao fisco por parte de Ronaldo surgiu na imprensa os responsáveis merengues não vieram a terreiro defendê-lo. A proximidade com o governo foi nessa altura bem evidente. De tal maneira que CR percebeu que estava a mais na equipa. Se juntarmos a isso a descida do valor da cláusula de rescisão de 1000 milhões para 100 milhões, logo se percebeu o desconforto do jogador.

Daqui até à saída foi um ápice. O problema é que o Real nunca pensou que alguém pegasse no jogador de 33 anos por aquele preço. E eis a Juventus “a velha senhora” transalpina a investir o suficiente para garantir o jogador madeirense. A vontade dos italianos em ganharem uma Liga dos Campeões é enorme. E se tal acontecer com a presença e influência de CR7, os dirigentes merengues ficarão em muitos maus lençóis.

Portanto tudo isto pode não passar de uma estúpida teoria de conspiração inventada por mim contra o Real Madrid. Mas que neste assunto eles não estão inocentes ai isso não!

As festas de CR7

Todos sabemos que na indústria do futebol e nas actuais organizações desportivas ligadas ao Desporto-Rei correm demasiados interesses. A maioria destes mais ligados aos financeiros que aos desportivos. Infelizmente!

Abro estas hostilidades por causa da expulsão de CR7 no jogo de ontem contra o Valência. Fosse Cristiano ainda jogador do Real e quase de certeza que o árbitro mandaria o jogo seguir sem qualquer admoestação.

São assim estes casos e muitos outros que vamos assistindo nos relvados que farão com que o futebol perca adeptos e consequentemente grandes receitas.

Percebo que a saída de Ronaldo de Espanha e a sua correspondente entrada no Calcio fez com que muitas atenções, antigamente viradas para a Península Ibérica, se tenham desviado para Itália, com os consequentes custos e receitas.

No entanto a forma, nitidamente deliberada, como CR7 foi ontem expulso, irá criar muitos debates e originar muita polémica. A UEFA colocou-se muito a jeito para a contestação pelos piores motivos. O critério de ontem, que expulsou o craque madeirense, foi demasiado apertado. Vamos, por isso mesmo, estar muito atentos ao que se passará no futuro próximo.

Por fim... é conhecido o gosto de Cristiano por festas. Mas jamais calculou que estas fossem razão para expulsão e lágrimas.

CR7 – Um toque em habilidade

Conheço bem dois fervorosos adeptos da Juventus de Turim. Tanto mais que o ano passado quando o nosso Sporting jogou contra a campeã italiana, para a Liga dos Campeões, o coração deles batia ao mesmo tempo pelo sucesso das duas equipas. Um dilema…

Portanto imagino que nesta altura estejam realmente felizes com a entrada de Ronaldo na equipa transalpina.

Esta saída de CR7 do Real Madrid após 9 anos de óptimos serviços cheirou-me a injustiça merengue. É sabido o gosto do Presidente do Real por Neymar. Que parece ser recíproco. Daí a necessidade de vender alguém para tentar adquirir o passe do avançado brasileiro ao PSG.

Porém…

Mesmo que Neymar acerte com o Real Madrid um contrato, a verdade é que o brasileiro jamais terá uma história semelhante a Ronaldo na equipa merengue.

O madeirense bateu todos os records possíveis e imaginários. Ultrapassou figuras míticas do clube como Di Stefano, Raul, Butragueño, ou Puskas, deixando uma marca indelével no Real que muito dificilmente será batido por qualquer outro jogador.

Há quem considere que CR7 começou finalmente a descer a escada da fama. Eu apostaria que ainda se irá falar muito de Ronaldo. Não só pela influência que terá, forçosamente, no jogo da Juventus como na melhoria de qualidade de futebol em Itália.

Há muito que o país das pizas não tem um jogador que faça a diferença. Talvez por isso ficou arredado da fase Final do Mundial da Rússia. Arriscaria a dizer que actualmente a figura maior do futebol transalpino é – pasme-se - um guarda-redes de nome Gianluigi Buffon e que “” tem 40 anos de idade.

Mas regressando a Espanha, parece que CR7 vai desfazer-se de tudo não ficando com coisa nenhuma no país nosso vizinho.

Retaliação, vingança, tristeza? Creio que CR vai muito para além destes sentimentos mesquinhos. Esteve em Espanha enquanto pode e o quiseram. Optou por Itália e deste modo há que mudar também os seus parcos “tarecos”. Faz parte.

Finalmente sempre julguei que CR7 jamais sairia do Real. Mas no futebol como na vida um dia somos bestiais para no dia seguinte sermos umas bestas.

Sinceramente desejo-lhe muita sorte! E muitos sucessos! De preferência à custa da sua antiga equipa.

"Ronaldite" aguda... ou grave?

Nunca sofri de "Ronaldite".

Sempre considerei Cristiano Ronaldo como um grande atleta, mas não faço parte daquele enorme grupo de adeptos de futebol, que olham para o jogador da seleção como (único) salvador da pátria.

Só que de vez em quando, o madeirense obriga-me a morder a língua e a engolir os pensamentos. Foi há uns anos na Suécia com o qual se carimbou a ida ao Mundial do Brasil e foi esta tarde/noite na Arménia com CR a marcar outras vez três golos (dois deles estupendos) com os quais quase nos coloca na fase final do Euro 2016 em França.

Continuo ainda assim a não sofrer da doença mas decididamente tenho de lhe tirar o chapéu.

 

Cristiano de Ouro - O Rei sucede ao Rei!

Se dúvidas houvesse aí está o prémio mais que merecido para Cristiano Ronaldo,

 

E até eu que nunca fui grande apreciador do jogador madeirense, ergo a minha taça em sua honra.

 

Parabéns Cristiano!

 

Só que no dia 31 de Outubrio do ano passado, escrevia aqui um texto em que previa, desde logo, a conquista do troféu do melhor jogador do mundo pelo atleta madeirense.

 

Não, não me considero vidente mas a postura profundamente patética a que Josef Blatter se sujeitou publicamente, só estragou aqueles que votariam em Lionel Messi transferindo para CR7 as suas escolhas, já que Frank Ribéry sempre me pareceu o elo mais fraco dos três, sem prejuízo dos troféus conquistados pelo Bayern de Munique.

 

Eis um Cristiano coroado uma vez mais Rei do Futebol, precisamente uma semana após o funeral do Rei Eusébio.

 

 

 

Também aqui

Selecção portuguesa: um Pepe de força numa equipa de humildade

Portugal passou aos quartos-de-final muito por mérito da união de toda a equipa. Paulo Bento não devia levar a mal as críticas que lhe foram dirigidas ou aos seus jogadores, pois provavelmente foram elas o verdadeiro catalisador para a selecção chegar onde chegou. A partir de agora é a doer (como se os outros não tivessem sido!!!). E a equipa nacional tem, neste momento, confiança e capacidade de sofrimento suficientes para levar de vencida a Républica Checa. Basta para isso que, a humildade que colocaram em campo nestes últimos três jogos, não se transforme em soberba.

 

E eu, que fui tão crítico da nossa selecção antes de iniciar o Euro, rendi-me ontem ao jogo de Portugal. Hoje as capas dos jornais só falam de Ronaldo. Aceito que assim seja pois a festa do futebol são claramente os golos. E ontem o CR7 bisou… Parabéns a ele, que lhe são devidos, se bem que…

 

Porém há um jogador na selecção do qual não apreciava de forma evidente, mas que me tem surpreendido pela positiva. E muito! Ele é o verdadeiro “capitão”, sem braçadeira. E se Portugal está onde está a ele se deve. Falo obviamente de Pepe. Este homem é uma força da Natureza. Não obstante alguns gestos menos correctos em alguns jogos em Espanha que lhe valeram diversos castigos, o nosso defesa central está mais moderado e é um esteio. Seguro, viril sem ser violento, concentrado e eficaz, assim se pode resumir a actuação do defesa central do Real Madrid.

 

Gosto particularmente de jogadores assim. Canta o hino, torce por nós, cerra os dentes e vai à luta. Um assombro! Tiro-lhe o meu chapéu e faço-lhe a devida vénia.

 

A partir de agora os dados estão lançados. Podemos sair já ou partir para outros vôos. Seja como for esta selecção tem “pernas-para-andar”.  Basta quererem!

Ainda a selecção... Você acredita?

Aceito que o Presidente da República Cavaco Silva, seja moderadamente considerado face não só às suas tristes e patéticas declarações proferidas num passado próximo, como até pela postura por vezes pouco lusitana e mais europeísta que tem assumido. Mas seja como for ele é o Presidente. E o PR é acima de tudo uma instituição que deve ser respeitada.

 

Vem este preambulo à tona pela forma como ontem Cristiano Ronaldo (mais uma vez!) se portou perante o mais alto magistrado da Nação. Ele pode ter pendurado nas orelhas brincos de diamantes, pode gastar milhões em novos carros, pode até ter uma namorada quase virtual, mas o que não pode (deve?) é tratar o Presidente da República por "você"!

 

Há coisas que a Federação devia ter cuidado quando entrega, a gente como Cristiano, a representação dos seus/nossos jogadores. O CR pode e sabe fazer umas habilidades com a bola: finta, corre, cabeceia, marca (quando quer!!!), eu sei lá o manancial de coisas que aquele atleta inventa com a bola. Ele pode até partir Ferraris como quem estraga um Fial Punto, porém a única coisa que não pode fazer é... falar.

 

Deem-lhe um papel para a mão com o texto escrito ou obriguem-no a decorar... Mas não voltem a deixá-lo dizer seja o que for. Ele não sabe falar, tem um vocabulário pobre e a sua dicção é no mínimo sofrível. Todos sabemos que Cavaco Silva nunca foi pródigo em grandes conversas, bem pelo contrário: cada tiro, cada melro...

 

Mas quase de certeza que nunca tratou ninguém por... você!

 

Você acredita?

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D