Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

LadosAB

Espaço de reflexões, opiniões e demais sensações!

Espaço de reflexões, opiniões e demais sensações!

O prazer de conduzir... devagar!

Uma das coisas que a reforma me trouxe foi a possibilidade de gerir o tempo a meu bel-prazer.

Até aqui havia cerca de 8 a 9 horas por dia que não dominava. Isto é estavam inteiramente entregues à entidade patronal. Com a chegada da reforma tudo isso acabou e posso agora gerir, tanto quanto me é possível, o meu tempo.

Entre ler e escrever ou tomar conta do quintal, tenho o tempo mais ou menos preenchido. Depois o ser motorista também faz parte das minhas novas funções.

Todavia esta última será daquelas em que me transformei, não diria radicalmente, mas de forma evidente. Na verdade nunca fui um acelera, mas gozava pouco da minha condução e do meu carro. Havia sempre que me despachar.

Hoje fiz cerca de 70 quilómetros quase todos em auto-estrada e digo-vos que me deu um gozo especial poder andar a 80 em vez dos 120 ou mais em que andaria antes.

Encostei-me à direita e deixei que o carro andasse na estrada numa brandura incomum.

Tive assim oportunidade para olhar a paisagem mais urbana que rural, abrir um pouco a janela e deixar que o vento entrasse.

Foi um breve momento em que eu e o meu carro fomos um só!

Diria que foi um pequeno prazer!

Eu e o meu carro!

Já lá vai o tempo em que julgava que os oblectos eram mais que... objectos! Quase que acreditava que tinham vida.

 

Actualmente dou mais valor às pessoas e aos seus gestos, à sua dedicação ou empenhamento doq ue a qualquer peça ou coisa.

Naturalmente que tenho apreço por algumas coisas, que comprei com grande sacrifício ou que pura e simplesmente me foram oferecidas por alguém próximo.

 

E se, acidentalmente, algo se parte ou estraga fico obviamente triste mas aceito que nada é eterno. Nem nós!

 

Há somente algo pelo qual tenho uma estima muito grande: o meu carro!

Pode parecer parvoíce e é claramente contraditório ao que escrevi antes mas tal não me preocupa minimamente.

 

O meu carro é quiçá o objecto pelo qual tenho mais atenção e cuidado. Todavia de quando em vez lá me prega a partida e desde o princípio da semana que o meu carro parece um idoso a subir uma longa escadaria. E por isso ando (muuuuito) aborrecido.

 

Já o disse, no aconchego da família, que provavelmente não terei outra viatura, pois considero esta um "must". Tem quase tudo o que eu necessito. E não necessito de mais nada.

 

Só que desta vez deu-lhe forte e vou estar não sei quantos dias sem transporte próprio.

Ainda não saíu da garagem para a oficina e já  tenho saudades dele...

Parvoíce? Sim. Mas perfeitamente assumida!

 

Coisas de homens!

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Posts mais comentados

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D