Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

LadosAB

Espaço de reflexões, opiniões e demais sensações!

Espaço de reflexões, opiniões e demais sensações!

Eu sou do SCP!

Após a decisão dos sócios em retirarem BdC do seu lugar, democratica e eleitoralmente conseguido em 2017, creio ser tempo de aqui tentar explicar qual a minha relação de mais de meio século com o Sporting.

Já o escrevi que sou do Sporting por influencia do meu pai... e não só. O meu tio e padrinho levou-me também e muitas vezes a Alvalade. Depois com o tempo e com as ligações com colegas e amigos este gosto ficou para sempre preso ao meu coração e à minha alma.

Um dia achei que poderia vir a ser um bom atleta e literalmente corri atrás do sonho. Mas quanto mais corria mais se afastava esse sonho.

Desci então à terra e passei a olhar o Sporting somente como adepto e mais tarde como sócio. No antigo estádio de Alvalade, no Restelo, no Lavradio no velho campo da CUF, no Bonfim em Setúbal ou mais recentemente no Estádio José Gomes na Reboleira. Em todos eles vi o Sporting jogar, com diferentes resultados.

De 1982 a 1999 foram 17 anos sem este clube ganhar um campeonato. Todavia sempre que começava uma época lá esfregávamos as mãos para dizer: este ano é que é. Mas nunca era. De tal forma que os nossos adversários até glosavam a situação.

Depois em três anos o Sporting foi duas vezes campeão. Parecia que o mal havia passado e o clube ganhara pujança e estaleca para o futuro.

Mas o Sporting volta a cair. E acaba por se arrastar durante anos. Com diferentes presidentes, com diferentes posturas e visões para o clube. Até que aquele 7º lugar na classificação acordou as gentes leoninas do marasmo entregando num acto eleitoral os destinos do clube a BdC.

Quase todos gostámos do que vimos a seguir. BdC não temia os adversários e a determinada altura passou a ser quase um herói. Um mandato onde reorganizou as contas e o clube, cativando sócios, conseguindo trazer a Alvalade milhares de adeptos.

Era este o Sporting que wueríamos...

Só que veio o segundo mandato e de repente... tudo se esfumou. BdC passou a disparar contra tudo e contra todos quase sempre de forma irracional. Passou com demasiada frequência recados através das redes sociais com as consequências que hoje todos nós conhecemos.

Mas o pior... ainda estaria para vir. O veneno que BdC espalhou por algumas cabeças é ainda evidente e após o resultado de ontem, a divisão entre sportinguistas nunca foi tão evidente.

O agora destituído Presidente conseguiu, em poucos meses, destruir muito mais o Sporting que os nossos adversários em muuuuuuuuitos anos. E pior... Ao dizer que ao sair do Sporting, entregará o cartão e que nunca mais será adepto deste clube só prova que o seu amor pelo Sporting era efémero e destituído de qualquer sentimento verdadeiro.

Eu, ao invés de BdC e independentemente do que possa vir a acontecer num futuro mais ou menos breve serei sempre do Sporting Clube de Portugal. Jamais entregarei o cartão de sócio por que os Presidentes passam e o clube, de uma forma melhor ou pior, ficará até depois da minha morte.

O que é chato!

Chato, chato é:

ser convidado para o casamento real;

não morrer às mãos de um miúdo de 17 anos;

escapar de uma bala perdida na faixa de Gaza;

 

Agora, levar um enxerto de tareia de uns energúmenos é coisa de somenos!

 

Agradecimento devido!

Quando no Domingo à noite, após o jogo, julguei que nada me faria esquecer a estúpida derrota contra uma equipa que luta para não descer, eis que a semana se inicia com um comunicado do (ainda) Presidente do Sporting.

A verdade é que após o ter escutado, fiquei sem palavras, sem pinga de sangue e acima de tudo sem memória. Seria verdade tudo o que havia ouvido?

Parece que sim…

Portanto Presidente, obrigado pelo comunicado… Esqueci-me mui depressa da derrota da Amoreira.

Jamais imaginei…

Mais sobre mim

foto do autor

Posts mais comentados

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D