Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

LadosAB

Espaço de reflexões, opiniões e demais sensações!

Espaço de reflexões, opiniões e demais sensações!

"Os meninos de Ouro"

Li no início deste ano uma das grandes obras de Agustina Bessa-Luis, hoje desaparecida. Deixo a seguir o que escrevi sobre a obra e que nunca publiquei.

"No livro “Os meninos de Ouro” – com o qual venceu o primeiro de dois Grande Prémio de Romance e Novela APE/DGLB em 1983, a autora retrata com grande assertividade uma sociedade rural com fugas para a cidade, e onde o enredo surge, unicamente, como pano de fundo como se fosse uma peça de teatro onde as diversas personagens vão surgindo no palco e vão saindo de cena.

O enorme destaque que retiro deste livro é a escrita rendilhada e muito trabalhada, qual filigrana de ourives minhoto com que a autora nos brinda, deixando ao leitor o livre arbítrio de entender cada frase, cada ideia que Agustina vai desenrolando

Dou um exemplo. Na frase “… Mateus estava na idade em que uma mulher se aceita como higiene mental e que confirma as benesses das recordações”, dificilmente seremos capazes de calcular a idade da personagem em causa.

Todo o livro é repleto deste tipo de escrita muito elaborada e profundamente metafórica.

Assumo que não é um livro empolgante, daqueles em que que se corre atrás do fim. É, ao invés, um belíssimo naco de prosa que deve ser apreciado lentamente, onde cada palavra, cada frase deverá ser saboreado como de um pudim se tratasse."

Agustina: a mulher que morreu criança!

Soube que faleceu Agustina Bessa-Luís.

A escritora nascida em Amarante em 1922 era acima de tudo uma artífice, com uma escrita rendilhada e muito trabalhada, qual filigrana de ourives minhoto.

A mulher que "nasceu mulher e morreu criança" como ela disse de si própria, deixou uma obra fantástica. Muito reconhecida em Portugal e no estrangeiro, Agustina deleitou-nos com os seus livros, contos, peças de teatro e muitas outras obras.

Coincidentemente li no início deste ano "Os meninos de ouro" livro com o qual venceu o seu primeiro Grande Prémio de Romance e Novela da APE, em 1983.

Portugal perde hoje um dos maiores vultos da Língua Portuguesa.

agustina_foto.jpg

 

De parabéns!

Está a decana dos escritores portugueses Agustina Bessa-Luís com os seus 96 anos, feitos hoje

Curiosamente ando a ler "os Meninos de Oiro" desta mesma autora.

Escritora maior da nossa literatura, nunca foi bem aceite no meio cultural pelas suas tendências políticas mais conservadores e menos progressivas.

Seja como for Agustina, que desde 2006 deixou de aparecer e escrever, segundo li devido a doença, tem na sua escrita fina, quase filigrana literária, o seu enorme legado.

Não sei se alguma vez conseguiremos dar verdadeiro valor à especial escrita de Agustina.

Que viva um dia de cada vez na serenidade da família e dos amigos.

Wook.pt - Os Meninos de Oiro

 

Mais sobre mim

foto do autor

Posts mais comentados

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D