Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

LadosAB

Espaço de reflexões, opiniões e demais sensações!

Espaço de reflexões, opiniões e demais sensações!

Ano de 2017!

Aproxima-se a passos largos o fim do ano. Daí que seja agora o momento ideal para falar das figuras e acontecimentos que se destacaram em 2017, sejam pelas melhores razões ou, na maioria, pelas piores.

 

Figura Internacional: Donald Trump - obviamente pelas piores razões. Dificilmente um Presidente dos Estados Unidos conseguiu em pouco tempo agremiar tantos inimigos;

Figura Nacional: António Costa - mais um que é aqui colocado mas não pelas razões mais simpáticas. Lidou muito mal com os incêncios de Verão tendo todavia o mérito de colocar a esquerda encostada às cordas;

 

Figura desportiva Internacional: Cristiano Ronaldo - ganhou como atleta (quase) tudo o que havia para ganhar;

Figura desportiva nacional: Nélson Évora - Venceu a prova de triplo salto nos campeonatos Europeus e Pista Coberta realizados em Belgrado;

 

Acontecimento InternacionalAtentados - seja em Manchester, Londres, Barcelona, Estocolmo ou em qualquer outra região do Mundo esta forma de guerrilha continua a matar muitos inocentes;

Acontecimento NacionalOs incêndios de Verão - a forma incapaz e incompetente como o governo lidou com a situação provou à sociedade que a geringonça não estava justamente preparada para lidar com os tristes acontecimentos.

 

Revelação do AnoNádia Piazza - uma mulher que deu a cara por um projecto (leia-se Associação de Vítimas do Incêncio de Pedrogão Grande) que espero e desejo que nunca seja esquecido!

 

O primeiro de 2017

Este é o meu primeiro texto de 2017 e venho só aqui dizer que tenho uma constipação tão grande, mas tão grande que parece que vai dar para o ano inteiro!

Lamento a quem simpáticamente aqui vem mas hoje vou arrear as velas e fundear esta nau até o mar deste mal-estar (até rima) se acalmar.

A gente lê-se por aí!

Ah só mais uma coisita... Feliz 2017.

 

Apenas mais um ano!

Eis mais um ano, novinho em folha e pronto a ser estreado. Não imaginam como gosto de estrear coisas… E como neste momento não há outra, venha de lá então esse 2017.

Todavia virar o ano é somente acrescentar mais uma data. Das 23 e 59 minutos de 2016 para as 00 e 01 minutos de 2017 terão passado apenas dois minutos. Nada mais que isso.

Deste modo não dou grande importância à Passagem do Ano. Esta vale essencialmente pelo reagrupar da família, pela amizade e por aquilo que se come e bebe (e o que se engorda) nesta altura…

Depois há quem ache que ao iniciar um ano vamos mudar de atitude, de postura, se sensibilidade, até de peso.

Nada mais errado. Se realmente queremos mudar alguma coisa na nossa vida é fazê-lo já! Isso de aguardar para mais tarde é um tremendo erro, porque o mais certo é nunca fazermos nada daquilo a que nos propomos. É o que a minha experiência de vida me ensinou!

Mas ao contrário de muitos que pululam por aí, reconheço que não sou dono de nenhuma verdade e que cada um deverá viver estas (e outras!) festas na sua exclusiva maneira de ser!

E fazer os desejos que achar por bem!

Adivinhar 2017

Digam o que disserem o ano de 2017 vai ser muito complicado.

Começará em Janeiro com a tomada de posse de Trump. O que daqui advirá ninguém sabe nem imagina. Depois haverá eleições por essa Europa fora, Portugal incluído com as autárquicas, que não fazendo um juízo do actual governo haverá sempre leituras diferenciadas dos resultados. Como sempre, aliás...

Os atentados, não obstante algumas permanentes acções policiais, continuarão a estar na ordem do dia, ameaçando constantemente pessoas e estados. O medo é real.

A crise dos refugiados não vai parar enquanto houver guerra no médio Oriente. Um drama permanente que poderá influenciar as tais eleições na Europa, especialmente puxando para a superfície da política, partidos radicais de direita pouco adeptos à abertura de fronteiras.

Já para não falar do Brexit e outros “exits” de países para quem a Europa já deu o que tinha a dar.

Não consigo mesmo imaginar o que estarei a escrever daqui a um ano sobre o que se passou em 2017. De todo...

Tentar assim adivinhar o futuro próximo na Europa e no Mundo nem os “Grandes Mestres Videntes” se afoitam!

Para 2017!

Sinceramente querem saber o que quero para 2017? Mesmo verdade, verdadinha? Querem mesmo saber?

Pronto aqui vai...

... Quero o Sporting campeão!

É isso mesmo! Nada mais peço!

Nem saúde, nem dinheiro, nem emagrecer 20 quilos, nem reformar-me... nada disso.

Em 2017 ficava felicíssimo se o Sporting fosse campeão!

Pronto já disse... e escrevi!

Mais sobre mim

foto do autor

Posts mais comentados

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D