Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

LadosAB

Espaço de reflexões, opiniões e demais sensações!

Espaço de reflexões, opiniões e demais sensações!

Eticamente falando!

Tentar nos dias que hoje correm viver uma vida de forma vertical ou sem grandes contradições entre palavras e actos é sobejamente difícil. Por isso não me admira o que se passa na política, terreno este profícuo para que a verticalidade do ser humano seja posto em causa.

Retomo o tema que ontem abordei de uma forma mais ligeira e que versa as relações familiares nos nossos governos.

Eticamente considero reprovával. Na prática... já não sei de será bem assim!

Tentarei explicar... Quem está num governo quer ao seu lado gente em quem confiar e que mostre outrossim competência. Se entre os que conhece há alguém fiável e competente, mesmo que seja parente porque não chamá-lo para o seu lado? Será melhor apelar a alguém que não sendo familiar é de menor confiança e competência? Valerá a pena correr o risco?

Veio agora o senhor PR a terreiro dizer que tem de se legislar sobre as relações familiares no governo já que a ética não faz a sua função. Quase me apetece dizer que o Professor um destes dias irá solicitar a criação de uma lei para definir o que é ou não má-educação em casa de cada um de nós. Já é só o que falta fazer e preocupar-se.

Esqueceu-se o mais magistrado da Nação que por mais legislação que emitam, por mais diplomas que aprovem, em Portugal nada disso fará efeito, porque o povo deste rectângulo continuará a ser um povo estranho... muito na base do velho ditado: "Olha para o que eu digo, não olhes para o que eu faço".

Comentar:

CorretorMais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D