Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

LadosAB

Espaço de reflexões, opiniões e demais sensações!

Espaço de reflexões, opiniões e demais sensações!

Profeta da desgraça...

... é o que me chamam quando falo da selecção nacional.

Porém são eles, os jogadores, técnicos e demais figurinos que me fazem pensar desta maneira.

Hoje num comentário num blogue previ que Portugal perderia por um a zero. Errei por pouco, mas se a Islândia tivesse marcado primeiro tenho quase a certeza que nem ao empate lá chegaríamos.

Pobre, triste, sem fio de jogo esta selecção vai passar mais uma vez ao lado do torneio. Ou me engano muito ou para a semana os jogadores Portugueses vão de férias.

E depois não digam que eu não avisei!

O Euro e a (in)competência

Desde 2004 que deixei de acreditar na selecção nacional de futebol. Naquele ano tivemos tudo para sermos campeões mas deixámo-nos bater duas vezes, repito duas vezes, pela mesma equipa. Fiquei tão "grego" nessa altura que nunca mais olhei para a equipa das quinas da mesma maneira. Lamento assumi-lo mas é a verdade!

Este ano volta a pairar por cima de algumas cabeças a ideia, na maioria de forma quase eufórica, de que seremos capazes de chegar à Final de Paris e trazer o caneco pra Portugal. Muito por culpa do actual seleccionador que exibe o tal discurso de que temos equipa para discutir o título até ao fim.

Céptico como sou, nestas coisas do futebol, não creio que Portugal chegue sequer aos oitavos de final. Não por falta de mérito dos jogadores, mas por falta de empenho como equipa.

Portugal tem demasiadas vedetas que não necessitam deste Europeu para se imporem. E assim quanto mais depressa forem para férias... melhor... para os seus clubes!

Em termos estatísticos Portugal terá a obrigação de ganhar os três jogos. Porém as estatísticas não jogam...

Deste modo tudo o que seja abaixo desta fasquia das três vitórias no grupo F é ser demasiado incompetente.

Cabe ao treinador, aos dirigentes de Federação e em última instância aos jogadores provarem em campo que são dignos da Selecção que representam.

No fim desta noite veremos se tenho ou não razão!

 

Ideias de fim de época

Finalizada a época futebolística em Portugal a primeira ideia que me assalta é que o Porto está a fazer uma longa travessia do deserto.

Ontem a equipa comandada por José Peseiro poderia ter terminado com um jejum que vai para alguns anos, mas ainda assim não o conseguiu. Foi ao Braga que saiu a lotaria dos penaltis… Ao invés do que acontecera o ano passado.

Outra ideia que reside é a que que o Sporting começou e acabou bem a época tendo, no entanto, uma fatal e desconcertante avaria pelo meio, que o deixou a dois pontos de atraso do Benfica, quando chegou a ter sete de avanço… E a verdade é que as águias apanhando-se no poleiro nunca mais se deixaram surpreender. E o clube da Luz lá foi campeão!

Independentemente do que à posteriori se possa dizer, certo é que este campeonato saldou-se de forma positiva pela imprevisibilidade, até à última jornada, de quem seria o campeão.

Reforçando o que já referi atrás o Sporting, sendo por (quase) todos assumido como tendo apresentado o melhor futebol, não soube lidar com a questão de estar em primeiro lugar, tendo sido surpreendido especialmente em casa por equipas de menor valor (p.e. os empates com o Todela e Rio Ave são disso exemplo!). Os quatro pontos perdidos nestes jogos seriam claramente suficientes para o Sporting ganhar o campeonato com folga.

Mas enfim ganha quem tem mais pontos porque o futebol é isto mesmo… um desporto!

Para o ano as coisas podem vir a ser um tanto diferentes já que não creio que o Porto se deixe enredar, uma vez mais, num novelo do qual não segura as pontas. O Sporting poderá continuar a senda dos bons jogos mas deverá outrossim mostrar mais competência. Quanto ao Benfica vai provavelmente sentir a pressão dos seus adversários, o que até poderá ser bom!

Prevê-se um próximo campeonato aguerrido e muito disputado…

Até lá temos o Euro em França com a presença de Portugal. A esperança de uma vitória mora em todos nós… mas pode não ser suficiente!

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2011
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2010
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2009
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2008
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D