Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

LadosAB

Espaço de reflexões, opiniões e demais sensações!

Espaço de reflexões, opiniões e demais sensações!

Dias de Inverno

Gosto destes dias assim frios e chuvosos. Dão bem com o meu conhecido mau feitio.

Mas é tempo dela. E os nossos campos tanto que necessitavam desta água!

 

Adoro estes dias cinzentos. Dão bem com o meu espírito muitas vezes tristonho.

Estamos em época de chuva. Que lava as estradas mas não as línguas.

 

Sinto-me feliz no meio da intempérie. Porque a água é sinal de vida.

Estes são os meus dias de Inverno.

Leituras para 2016

Como sou fundamentalista em relação ao (Des)Acordo Ortográfico decidi ler ou reler, este ano novinho em folha, antigos clássicos. Neste momento estou quase a acabar um livro que um amigo de longa data publicou recentemente e do qual já aqui fiz referência. Mas como está em Português legível...

Deste modo vou-me preparar para ler A Divina Comédia de Dante, seguindo-se talvez "Mulher de trinta Anos" de Balzac e provavelmente alguns contos de Edgar Alan Poe. Finalmente releio "Os Miseráveis" ou alguns policiais escritos por Raymond Chandler.

Não aprecio leitura em que o tema verse enigmas manhosos, aventuras em países e locais demasiados estranhos para serem verdade ou assuntos que abordem a ajuda psicológica como salvadora de muitas mentes.

Por isso este ano de 2016 prevê-se recheado de obras fantásticas.

A ver se consigo!

Uma aula de política

Muito se tem falado e escrito sobre a candidatura do Professor Marcelo Rebelo de Sousa à Presidência da República. Uns acreditam que o ainda professor de Direito há muito que tinha desenhado esta estratégia, outros crêem que o antigo comentador apenas aproveitou a vaga deixada pelos partidos do Centro-Direita para se chegar à frente.

Noutro contexto é perfeitamente aceitável que as televisões usem diversos trunfos para captar audiências e o professsor Marcelo foi naturalmente um grande trunfo. Lembro-me dele na TSF onde, com David Borges, fazia um programa onde atribuía notas semanais a diversas figuras da "nossa praça". Com a implementação dos canais privados era certo que este figurino teria tendência a ser um sucesso. Como foi!

Quase ninguém, fosse de esquerda ou de direita, ficava indiferente às suas opiniões. E a questão de criar acontecimentos políticos, como muitos dos seus adversários o acusam, não parece ser a mais fiável. Cheira-me a… outra coisa!

Não sei, nem ninguém sabe, se MRS será o próximo morador do Palácio de Belém. Mas que tem o caminho bem desbravado, lá isso tem.

Primeiro porque de todos os adversários que tenho ouvido só Marisa Matias aparece como a mais esclarecida e esclarecedora. Só que a sua base de apoio é restrita.

Segundo porque os restantes candidatos surgem, não para ganhar as eleições, mas para marcar terreno… especialmente à esquerda onde o PCP e BE lutam por um lugar ao sol.

Terceiro porque o PS viu-se ultrapassado por duas figuras que se querem colar ao partido liderado por António Costa dividindo claramente o eleitorado socialista.

E quarto, como católico assumido, mesmo num país laico, a igreja dar-lhe-á o seu total apoio. O que não é de somenos importância.

Com tudo isto fica porém uma questão por responder: Terá MRS subrepticiamente usado a televisão para abrir o seu caminho para Belém ou foi a televisão que deu a Marcelo a ideia e a hipótese de se transformar num candidato?

Todos nós sabemos que em política tudo é possível! Até Jesus descer à terra…

Um ano em... visitas!

Nos últimos dias as estatísticas oferecidas pela Sapo têm estado em baixo. Mas mesmo assim apanhei uns dados referentes ao ano de 2015 e tendo como "vítima" este blogue.

E gostei do que vi. Não é um espaço "hiperventilado" de leitores e visitas, não obstante alguns picos naturalmente ligados aos destaques, mas seja como for há um grupo de fiéis amigos.

Cheguei a 2016! Estou ciente que este novo ano vai-me trazer novos desafios na escrita e espero estar à altura desses desafios.

Eis então o gráfico estatístico de 2015.

 

sapo_estt_imagem

 

"Bravo!"

A sala estava quase repleta. A música surgia imponente, marcante, quase feroz. Quando a determinda altura os aplausos amainaram após mais uma valsa, desta vez composta por Tchaikovski, quae do silêncio momentâneo ouve-se uma voz feminina que grita do meio do público:

- Bravo!

Um momento que achei diferente nesta tarde/noite numa Lisboa de intempérie, mas que não me impediu de ir ao antigo Pavilhão Atlântico assistir ao concerto "Música para o novo ano" apresentada pela Orquesta Metropolina de Lisboa soberbamente dirigida pelo Maestro Sebastian Perlowski.

Os ingressos havia-os ganho no Natal, oferta do meu filho mais velho (obrigado M.) e de alguma forma estava céptico quanto à qualidade do concerto. Não pela orquesta, nem o seu maestro mas essencialmente pelo local. Não me parecia que o pavilhão tivesse as condições esssenciais para um espectáculo deste género.

Todavia a surpresa foi boa e consegui ouvir com grande naturalidade e sem grande esforço todo o concerto. Este compôs-se de duas partes sendo que na primeira foram tocados oito trechos entre árias da ópera Carmen de Bizet, valsas de Johann Strauss II e Tchaikovski.

A segunda parte trouxe-nos mais sete temas repetindo as origens da primeira: Bizet com a sua "Carmen", Tchaikowski e Strauss e respectivas valsas, sendo o oitavo tema a famosíssima "Marcha Radetzky" obviamente acompanhada pelo público.

Julguei que terminara. Porém o público insistiu e apareceu um "Intermezzo" tocado pela Orquestra numa forma bem simpática de desejar o bom ano de 2016 à assistência. Para o fim nada melhor que mais uma bonita valsa de Strauss.

Óptimo concerto, bem tocado, fantasticamente bem dirigido e para repetir, com toda certeza!

 

 

Ir "à bola" tem que se lhe diga

Hoje o meu Sporting enfrenta o FCPorto numa jornada que se prevê escaldante.

Mas não é do jogo em si que venho aqui falar, mas unicamente dos preparativos para ir ao estádio.

Já recebi a mensagem do Sporting a solicitar que chegue cedo evitando congestionamentos. E assim estou quase pronto. Aguardo somente a chegada do filho.

A indumentária tem de ter obrigatoriamente uma peça sempre verde, um cachecol do clube a condizer e claro está uma boina. Depois... é a concentração da família. Vai este carro? Não vai o outro. Levas? Não, conduzes tu.

E lá partimos para um local próximo do estádio. Procurar lugar para o carro é tarefa mais ou menos complicada, mas depois de bem estacionado (odeio quem deixa o carro de qualquer maneira, impedido o normal fluir do trânsito) é partir para o campo. Pelo caminho falamos de tudo: jogadores, o que poderá acontecer, quais as hipóteses de ganhar...

Como que atraídos por um iman centenas de adeptos aproximam-se do estádio. Cresce a adrenalina, a excitação, a incerteza do resultado mesmo antes do jogo começar. Normalmente afogam-se previamente estes dilemas em copos de cerveja acompanhados de bifanas quentes.

É dia de "ir à bola". Um ritual que muito me apraz cumprir.

1152

Parece uma data histórica mas não é.

Mil cento e cinquenta e dois dias é o tempo que me falta para passar à reforma.

Ou seja 27648 horas ou 1658880 minutos! Um instante...

Isto se as regras se mantiverem as mesmas.

 

Os nomeados para... 2016

Sei que há quem valorize muita a passagem do ano. Eu nem tanto… é somente mais um dia, um mês, um ano!

Porém há pessoal na blogosfera que eu muito aprecio e leio e para quem considero que o ano de 2016 deveria ser fantástico. Eis assim os nomeados (e respectivos blogues) para um ano novo repleto de enormes sucessos:

Bata e Batom

http://bataebatom.blogs.sapo.pt/

Magda

http://stoneartportugal.blogs.sapo.pt/

Alguém de quem não sei o nome (mesmo que pseudónimo). Agora já sei... é a Tânia!

http://meandmyboy.blogs.sapo.pt/

Ricardo

http://estupidoaluga-se.blogs.sapo.pt

Sandra

http://justmom.blogs.sapo.pt/

Vanessa

http://nuagesdansmoncafe.blogs.sapo.pt/

Sofia

http://paragemproxima.blogs.sapo.pt/

Neurótika

http://agalinhadavizinha.blogs.sapo.pt/

Paulo

https://sonhosdesencontrados.wordpress.com/

Maria

http://www.mariadaspalavras.com/

e a minha conterrênea Alfacinha

http://omeualpendre.blogs.sapo.pt

 

Abraços e beijos do José!

 

(editado às 21 e 24 horas!)

Pág. 3/3

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D